Aprenda como redimensionar seu webapp

Existem diversos motivos que poderão te obrigar a redimensionar o seu WebApp. Você realmente ter estimado errado, a demanda aumentou, a demanda diminuiu. Independente da sua necessidade você pode alterar o seu plano de serviço de aplicativo para a sua realidade atual usando as opções de escalar verticalmente e escalar horizontalmente. Nesse artigo eu vou explicar as duas funcionalidades.

Escalar Verticalmente

Você usará o escalar verticalmente quando precisar aumentar ou diminuir plano do seu web app. Características como CPU, memória, espaço em disco são divididos em planos, como visto na figura abaixo.

Cada plano possui seus respectivos preços que podem variar de região para região, para aumentar ou diminuir os recursos usados basta selecionar o plano mais adequado. Além dos itens que mencionei temos categorias como Dev, production e isolated que incluem diversos  recurso.

Dev / Test

Essa categoria como o nome já diz é recomendada para ambientes de teste e desenvolvimento, menos recursos disponíveis, preços mais acessíveis e até um plano gratuito para usar 60 minutos por dia. Como itens inclusos temos 1 GB e espaço em disco.

Production

Para ambientes de produção o azure inclui os recursos como Domínios customizados, auto scale, staging slots, backup, traffic manager e pelo menos 50 GB de armazenamento.

Isolated

Se o nível de produção não atender o seu projeto você pode optar pelo isolated. O plano isolated é recomendado para aplicativos de carga de trabalho crítica em ambiente privado dedicado no azure.

Escalamento horizontal

O segundo tipo de escalonamento será o horizontal, usaremos essa opção quando precisarmos aumentar o numero de instancias do aplicativo chegando a um limite de até 30 instancias no plano de produção e 100 no plano isolated.

Vale lembrar que as configurações mostradas levam poucos segundos para serem aplicadas.

E é isso pessoal, espero que tenham gostado do conteúdo, semana que vem tem mais.

Carlos Finet

Formado em redes de computadores pela faculdade Estácio de Sá. Membro da comunidade MTAC - Multiplatform Technical Audience Contributor. Possui as certificações Microsoft MCSA, MCSE, MCITP, MCT, MCTS, MCDST, MCP. Microsoft Certified Trainer (MCT) onde por mais de uma década preparou profissionais para aprovação em exames Microsoft. Proprietário da empresa de consultoria Finet www.finet.com.br

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: