Azure Redis Cache com WordPress

Fala pessoal,
Tudo bem com vocês?
Tivemos uma série de artigos sobre como subir um WordPress com CDN para uma melhor performance do seu website. Hoje vamos melhorar ainda mais o desempenho aumentando a sua velocidade de resposta.

Com Cache Redis possui diversos recursos que você pode conferir no link. Hoje vamos utilizar ele para armazenar em cache os resultados das consultas feitas no banco de dados, assim diminuindo o acesso ao banco e permitindo que seu site comporte mais usuário simultâneos. Neste artigo vamos focar na infraestrutura para fazer funcionar o Redis Cache em seu wordpress.

Agora vamos implementar e configurar seguindo os passos abaixo:
1 – Provisionar o Recurso no Azure:
Acessando o portal do Azure, busque no Market Place por “Azure Cache for Redis”:

Assim que clicar em criar preencha com as informações como Nome, camada de preço e localização que deverá ser a mesma de seu banco de dados:

Observação, por questões de segurança, não habilitar o desbloqueio da porta para tráfego não criptografado.

Feita a instalação, agora vamos para o segundo passo

2 – Instalar Plugin Redis Object Cache:
Vamos acessar nosso wordpress e instalar e ativar o plugin Redis Object Cache:

3 – Configurar o Webapp:
Primeiro passo você precisa fazer o download da dll recente que tiver neste link Precisamos configurar a extensão de acordo com a versão do PHP que você está utilizando (no caso da minha é 7.2). 

Após o download, extraia o conteúdo da pasta e copie a php_redis.dll, feito isso vamos ao webapp e no item “Ferramentas de Desenvolvimento” vamos acessar as “Ferramentas Avançadas”

Depois vamos em Debug Console e acessar o CMD:

Lá vamos acessar a pasta site e criar uma pasta chamada “ext” e jogar nossa dll lá (para fazer o upload da, basta arrastar e soltar no navegador), seu ambiente ficará assim:

Feito isso, vamos criar uma pasta chamada ini no diretório D:\home\site :

Logo após, vamos criar um arquivo chamado “extensions.ini” com o conteúdo “extension=d:\home\site\ext\php_redis.dll” conforme imagem abaixo:

Por último, vamos acessar o arquivo wp-config.php e colocar as seguintes informações:

 
define('WP_REDIS_SCHEME', 'tls');
define('WP_REDIS_CLIENT', 'pecl');
define('WP_REDIS_HOST', 'NOME_DO_SERVIDOR_REDIS');
define('WP_REDIS_PORT', '6380');
define('WP_REDIS_DATABASE', '0');
define('WP_REDIS_PASSWORD', 'CHAVE_PRIMARIA_AZURE_REDIS');
define('WP_CACHE_KEY_SALT','URL_SERVIDOR_REDIS'); 

Para preencher essas informações, temos que voltar ao portal do Azure e buscar dentro do serviço Azure Redis Cache, conforme imagem abaixo:

O meu wp-config ficou assim:

Tudo pronto, agora vamos reiniciar nosso webapp e depois acessar o Redis Cache e clicar em ativar, se tudo estiver certo você verá o status conectado. Ele deverá aparecer assim:

Existem diversas configurações que você pode fazer no Redis Cache, para se aprofundar mais, procure a documentação oficial no link ()

Nos vemos nos próximos posts
Até mais 😉

Jackson Martins

Engenheiro de soluções na bnp, realizou projetos de azure para o governo de são paulo além de outras instituições públicas e empresas privadas de médio e grande porte. Instrutor convidado pelo senac e palestrante da comunidade azure brasil, também realiza projetos sociais ensinando sobre tecnologia em comunidades carentes. Especialista em infraestrutura, com 11 anos de experiencia na área, possui certificações de diversas tecnologias, incluindo microsoft azure. Administra ambientes de missão crítica, como hospitais e companhia de saneamento básico e já realizou migração da operação de diversos clientes que hoje trabalham 100% em nuvem. Já atuou como coordenador de suporte, administrador de redes e coordenador de projetos, tendo atuado como engenheiro de soluções em nuvem focado em azure nos últimos 3 anos.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: